Topo do Governo de Pernambuco
Link para Barra do Governo do Estado de Pernambuco PortalPE - pgina histria de Pernambuco PortalPE - pgina Perfil do Gorvenador PortalPE - pgina Secretarias do Estado PortalPE - pgina Programas do Governo PortalPE - pgina ltimasNotcias PortalPE - pgina Servios Online PortalPE - pgina Rdio SEI

Not�cias

Not�cias

Publicado em 19/02/2019 | Categoria: Meteorologia
Voltar

Monitor de Secas do Nordeste aponta diminuio de seca na Mata Sul do Estado

O mês de janeiro, na região oeste de Pernambuco, da Paraíba e de Ceará é dado início a pré-estação chuvosa, onde ocorreram pancadas de chuvas isoladas, concentradas em poucos dias e seguidas de dias sem chuvas. Os menores valores de precipitação, abaixo de 50 mm, climaticamente, se concentram no setor leste da Região Nordeste, na faixa que vai do Rio Grande do Norte até Sergipe. Os principais sistemas meteorológicos que normalmente causam chuvas no mês de janeiro no Nordeste do Brasil são: Zona de Convergência do Atlântico Sul (ZCAS), Zona de Convergência Intertropical (ZCIT), Vórtice Ciclônico de Altos Níveis (VCAN).




Particularmente em Pernambuco ocorreram chuvas acima do normal na Zona da Mata Sul e que vem acontecendo nos últimos meses e assim contribuindo para retirada da aparência de seca fraca para uma área sem seca. Nas demais áreas do Estado não houve alteração significativa nas condições de seca, que variaram de intensidade fraca a moderada no Litoral e na Zona da Mata Norte e de intensidade grave a extrema no Agreste. Os impactos são de curto prazo no Litoral e Zona da Mata e de curto e de longo prazo no Agreste e Sertão.


O MONITOR é um processo de acompanhamento regular e periódico da situação da seca no Nordeste, cujos resultados consolidados são divulgados por meio do Mapa do Monitor de Secas. Mensalmente informações sobre a situação de secas são disponibilizadas até o mês anterior, com indicadores que refletem o curto prazo (últimos 3, 4 e 6 meses) e o longo prazo (últimos 12, 18 e 24 meses), indicando a evolução da seca na região.


O relatório completo no Monitor de Secas do Nordeste pode ser acessado através do link: http://monitordesecas.ana.gov.br/