Topo do Governo de Pernambuco
Link para Barra do Governo do Estado de Pernambuco PortalPE - pgina histria de Pernambuco PortalPE - pgina Perfil do Gorvenador PortalPE - pgina Secretarias do Estado PortalPE - pgina Programas do Governo PortalPE - pgina ltimasNotcias PortalPE - pgina Servios Online PortalPE - pgina Rdio SEI

Not�cias

Not�cias

Publicado em 14/08/2012 | Categoria: Informe/Agenda
Voltar

APAC participa de evento promovido pela Global Reporting Initiative voltado para sustentabilidade

Workshop_GRI


O workshop da GRI - Global Reporting Initiative, realizado recentemente no Recife, no dia 09/08, quinta-feira, na sede da Celpe - Companhia Energética de Pernambuco, contou com a participação destacada da Agência Pernambucana de Águas e Clima – APAC. O GRI é uma Organização Não-Governamental internacional, com sede em Amsterdã (Holanda), que tem a missão de desenvolver e difundir globalmente as diretrizes para elaboração de relatórios de sustentabilidade econômica, social e ambiental, utilizados voluntariamente por empresas e organizações mundialmente.


No encontro, foi realizada a Consulta Brasileira para aprovação da quarta geração do modelo GRI, o G4. A APAC esteve representada na ocasião pela técnica em hidrometeorologia Eduarda Casanova, sendo admitida como organização-membro do Grupo de Trabalho de Desenvolvimento das Diretrizes de Elaboração de Relatórios de Sustentabilidade do GRI – G4. Atualmente, mais de 1000 empresas produzem seus relatórios com base na terceira geração do modelo GRI-G3, sendo 60 delas brasileiras.


O workshop tem por objetivo capacitar os participantes no processo de elaboração do relatório de sustentabilidade, preparando os membros para a definição do conteúdo, monitoramento e relato. Também se preocupa em proporcionar reflexão e mensuração do desempenho social, ambiental e econômico das organizações para permitir a construção coletiva do conhecimento sobre o tema. “Foram constatadas melhorias na estrutura do documento, que demonstra mais compromisso e transparência nos números e a deixa clara a necessidade da inclusão de parâmetros sociais e ambientais nos relatórios anuais integrados das empresas”, definiu Eduarda.